Olá Visitante! Acesse sua conta ou Cadastre-se

Brasil Caboclo

04:01 às 07:00

Sette Câmara põe mandato em risco após contratação frustrada

Henrique Muzzi

Menos de nove meses após deixar o Cruzeiro, o meia Thiago Neves acertou com Atlético. O fato gerou um verdadeiro rebuliço nas redes sociais. Diversas hashtags foram criadas com o objetivo de barrar a contratação.

A diretoria alvinegra esperava um feedback negativo, mas não da forma como foi. Membros do Conselho Deliberativo, em um grupo de whatsapp, mantiveram a opinião da torcida, causando um desgaste inesperado a imagem de Sette Câmara. As dúvidas seguiram neste grupo, com direito a questionamento de quem teria dado a ordem para trazer o jogador. As notícias logo chegaram ao mandatário. A pressão foi tanta que o diretor de futebol, Alexandre Mattos, desfez o negócio que já estava, inclusive, assinado.

Thiago Neves na passagem pelo Cruzeiro fez questão de zombar o alvinegro, em meio a publicação de vídeos fazendo alusão ao clube, com direitos até mesmo a xingamentos ao rival.  Mesmo após deixar a raposa, Neves interagiu com um perfil falso de Alexandre Mattos, relembrando o famigerado 6 x 1.

Nos bastidores, nossa reportagem apurou que o técnico Jorge Sampaoli, ficou extremamente irritado com a atitude da diretoria, uma vez que esperava contar com o atleta. O fato foi tratado como amadorismo pelo argentino. Por fim, Sampaoli continua a espera de ao menos três reforços, considerados como fundamentais para a sequência do campeonato.